Terça-feira, 16 de Março de 2010

 

Chama-se Luís Vieira, frequenta o 11º5, num Curso de Línguas e Humanidades. Sentiu-se atraído por Nikolai Gógol, escritor russo, e decidiu apresentar a obra O Nariz, na "Conversa de café com livros", na "Quinzena da Leitura e da Cultura 2010".

                                                        

 

Num diálogo descontraído, este aluno de Literatura provocou a assistência: "E se num dia, ao tomarem o pequeno-almoço, descobrissem um nariz dentro de um pão? E se acordassem sem nariz?" 

As reacções não se fizeram esperar: repulsa, atracção, o imaginário a pulsar...e a puxar os leitores para o universo da leitura, através de uma obra tão ficcional quanto literária, que confunde o leitor, que brinca com ele e o torna atento. Qual a voz que ora se manifesta? O narrador? A personagem? Que personagem?

 

 



publicado por aquiharatos às 11:09
Bem que gostava de ter assistido a essa conversa!!!
Uma grande amiga, daquelas do coração, ofereceu-me esse nariz.... oh desculpem... esse livro e, na realidade, é surpreendente!
leiturasemaberto a 19 de Março de 2010 às 21:30

Gosto de livros. Da textura, da cor, das linhas, dos parágrafos. De folhear, ler, parar, saborear. Gosto de livros. Gosto. Moro na Biblioteca da Escola Secundária Fernão Mendes Pinto, em Almada, e ando à procura de outros ratos devoradores. Visita-me!
mais sobre mim
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
12
13

15
17
18
19
20

22
25
26
27

28
30
31


pesquisar neste blogue
 
blogs SAPO